O que é Marketing Verde? – Conceito, aplicação e detalhes!

O que é Marketing Verde? O marketing verde é a promoção de produtos, serviços ou atividades descritas como ambientalmente seguras ou ambientalmente mais sustentáveis.

Este tipo de prática nasceu como resposta ao efeito nocivo do homem no planeta e à necessidade de enfrentar o problema, dando ênfase à contribuição das empresas na redução deste impacto. No conteúdo de hoje, portanto, vamos explicar a você o que é Marketing Verde. Leia conosco e entenda melhor, vamos lá!

O que é Marketing Verde?

Afinal, o que é Marketing Verde? Nos últimos anos, o impacto negativo da atividade humana na natureza, fauna e flora se tornou objeto de debate público, aumentando assim a conscientização sobre o problema e a necessidade de enfrentá-lo com seriedade.

Os consumidores não ficaram indiferentes a essas questões e, de fato, estão cada vez mais inclinados a escolher empresas atentas às questões ambientais.

Assim, as estratégias de marketing também se adaptaram, levando ao nascimento e disseminação de expressões como “Marketing Verde”, “Marketing Sustentável”, “Marketing Ecológico” ou “Marketing Ambiental”.

Esses termos servem para descrever todas as ações promocionais que incidem sobre o compromisso das empresas de criar produtos ou serviços ecossustentáveis e de combater problemas como o aquecimento global ou a destruição dos habitats de diferentes espécies animais ou vegetais.

A iniciativa deve começar com cada indivíduo. No entanto, considerando o potencial impacto negativo causado principalmente pelas grandes multinacionais no meio ambiente, é responsabilidade e dever de todas as empresas trabalhar para reduzir ao mínimo esse problema.

Portanto, também é dever melhorar as condições de vida na Terra. Saber e poder comunicar tudo isto, conseguindo envolver o consumidor, é agora fundamental para o sucesso da empresa.

Como desenvolver uma estratégia de Marketing Verde sólida e coerente?

Uma estratégia eficaz de Marketing Verde deve se concentrar na empresa como um todo e não se limitar a promover um produto ecológico ou uma linha de produtos “mais verde”. De fato, as estratégias de Marketing Verde devem se concentrar no desenvolvimento de uma identidade de marca caracterizada pelo compromisso de fazer escolhas ecológicas.

Nesse sentido, devemos partir dos processos de produção (que devem, portanto, ser sustentáveis) e do descarte responsável de resíduos e, em seguida, criar campanhas de marketing que não apenas comuniquem o interesse da empresa por essas questões, mas, também sirvam para conscientizar os consumidores sobre hábitos de consumo e reciclagem mais sustentáveis e menos prejudiciais ao meio ambiente.

A partir de práticas básicas como a reciclagem de materiais, as empresas podem passar à redução do consumo de energia ou papel e, posteriormente, à criação de produtos ou embalagens feitas com materiais total ou parcialmente recicláveis: todas essas atividades devem ser comunicadas ao seu público-alvo de forma clara e verdadeira.

Obviamente que é fundamental não só educar os consumidores sobre o que é Marketing Verde, mas, começar pelos colaboradores, dando vida a iniciativas de sensibilização e ações muito simples, como o incentivo à reciclagem.

Uma estratégia sólida de Marketing Verde consistente com os valores, missão e práticas corporativas pode representar uma importante vantagem competitiva para as empresas, ao passo que negligenciar essas questões pode levar os consumidores mais atentos a preferir marcas mais comprometidas com essa causa.

Green Marketing x Greenwashing

Muitas empresas têm sido acusadas de práticas de greenwashing, ou seja, de promover uma imagem positiva com vista à sustentabilidade ambiental, através de ações de responsabilidade social corporativa ou campanhas de marketing que não refletem efetivamente o real funcionamento e missão da empresa.

Nesse sentido, pense nas empresas acusadas de práticas lesivas ao meio ambiente e que “ampliam” seu grau de comprometimento com a preservação do planeta. 

Um exemplo muito comum é o uso da cor verde e da indicação “ecologicamente correto/eco-friendly” em embalagens que na realidade não são 100% recicláveis ou que de qualquer forma não têm um impacto positivo real no meio ambiente.

Embora o Marketing Verde tenha se tornado quase essencial para envolver os consumidores atuais, o uso de uma comunicação como a que acabamos de descrever, com informações imprecisas ou mesmo enganosas, pode causar sérios danos à reputação da marca, até porque os consumidores estão cada vez mais informados sobre essas questões e, portanto, alegações pouco críveis ou infundadas poderiam facilmente ser objeto de duras críticas.

Como comunicar produtos verdes?

Já sabemos o que é Marketing Verde, mas como comunicá-lo? As expectativas dos consumidores em relação às marcas e seus produtos e serviços mudaram: eles não podem simplesmente satisfazer as necessidades ou desejos dos clientes, mas devem equilibrar essa funcionalidade com outras características como preço, qualidade e baixo impacto ambiental.

Ao mesmo tempo, as campanhas publicitárias devem ser capazes de estimular o consumidor a ser parte ativa desse processo, por meio da compra de produtos e embalagens “ecologicamente corretos/eco-friendly”, lembrando que problemas como poluição e aquecimento global afetam a vida de todas as pessoas.

Também é importante que as empresas promovam não apenas práticas de consumo responsável, mas também uma utilização responsável dos produtos, bem como a reciclagem das respectivas embalagens e recipientes. Até a próxima!

Veja também Portabilidade consignado

Comentários estão fechados.